ANPUH-PB EM DEFESA DA DEMOCRACIA

O ovo da serpente foi chocado. Desde 2014, envolvido no processo que culminou no golpe de 2016, o ninho vinha sendo preparado. Holofotes ligados sobre uma dada figura e suas afirmações recheadas de ódio foram o suficiente para que os comportamentos fascistas saíssem da escuridão onde rastejavam e se mostrassem à luz. Quem ocultava tais pensamentos passou a se sentir autorizado a propagá-los e dar-lhes forma. Assim os elos do ódio e da intolerância foram se unindo, em uma corrente que nos afronta e busca nos derrubar.
E em tempos de crise, direitos conquistados são sempre atacados, o que faz necessário que nos levantemos na luta pela sua salvaguarda. Por isso, a seção estadual da Associação Nacional de História (ANPUH-PB) torna pública a sua defesa intransigente do Estado democrático brasileiro, acostando-se às mais diferentes entidades acadêmicas e profissionais que manifestam o seu compromisso com o campo político que tem como bandeira a defesa da vida e dos direitos humanos, políticos, civis e sociais, tão caros esses à nossa história. Gestados à luz do golpe parlamentar de 2016, repudiamos os retrocessos assumidos pelos setores mais conservadores do país, em evidente ameaça às liberdades democráticas e às conquistas da classe trabalhadora.

Atentos e fortes, colocamo-nos em defesa:

– da expansão do ensino público e gratuito;
– da consagração das liberdades individuais e coletivas;
– da preservação do patrimônio público;
– da autonomia universitária e da liberdade de ensino e pesquisa;
– dos direitos dos trabalhadores e trabalhadoras da educação;

Manifestamos o nosso compromisso em defesa da vida, da diversidade e da dignidade humana.
Sigamos na luta!

A Diretoria

Compartilhe: