Nota

Anpuh PB

Anpuhanas e anpuhanos, começamos por manifestar o nosso pesar pelas milhares de pessoas vitimadas pela Covid-19, bem como manifestamos a nossa solidariedade às suas famílias. Confiamos nos esforços que estão sendo feitos por pesquisadoras e pesquisadores do mundo inteiro no sentido de que cheguemos à tão almejada e indispensável vacina. Como Associação de História não poderia ser diferente: confiamos na pesquisa científica, que deve ser posta à serviço da emancipação coletiva. E estamos dispostos a cobrar das autoridades que, de pronto, viabilizem as estratégias necessárias para a vacinação em massa, em respeito à vida de todas e de todos.  

Vivemos uma situação de pandemia que é agravada pelas desigualdades sociais, as quais foram ampliadas nos últimos anos. Agravada, de igual modo, pela realidade de retrocessos políticos que buscam solapar a ordem democrática, de alguma forma. O ataque à autonomia das universidades, expresso na nomeação de Reitoras/es que não têm respaldo junto à comunidade universitária, tal como ocorreu na UFPB, é uma das facetas do retrocesso autoritário.

Por força da pandemia, pela primeira vez na história, a ANPUH/PB teve que realizar o seu evento estadual de maneira remota, por meio de plataformas virtuais. Saudamos a todas e todos que participaram do XIX Encontro Estadual de História. Agradecemos a cada pessoa que esteve no evento, seja entre as 324 inscritas, seja entre aquelas que prestigiaram as 4 Mesas de discussão, os 17 Simpósios Temáticos ou os 17 Minicursos então realizados. 

A nossa associação saiu fortalecida política e academicamente desse encontro, disposta a todos os combates pela história, em nome da construção de uma sociedade democrática, inclusiva e plural.

DIRETORIA ANPUH-PB

Compartilhe: